IMPÉRIO KLINGON (TlHingon TaH)


KLINGON? QUE É E DE ONDE VEIO ISSO?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

KLINGON? QUE É E DE ONDE VEIO ISSO?

Mensagem por Admin em Sex 5 Nov 2010 - 11:49



Os Klingons.

O Klingons são uma raça humanóide de guerreiros com origem no planeta natal chamado Qo'noS (Kronos). Eles são povo orgulhoso e tradicional que avaliam honra pessoal e familiar acima de tudo. Sua cultura agressiva os tornaram um poder militar temido e respeitado por todos. Também a fisiologia Klingon é bastante diferente, vários órgão vitais tem redundâncias múltiplas. Esta característica física, conhecida como brak'lul, permite aos guerreiros Klingons uma resistência enorme a ferimentos mortais durante uma batalha.
O Lar dos Klingons é um planeta classe M, quase toda a sua superfície é de massa terrestre, existe pouca vegetação e pouca água superficial (oceanos, rios ou lagos). Este clima árido ajudou a evoluir apenas espécies carnívoras e perigosas entre os animais do planeta. A temperatura local é elevada devido ao efeito estufa gerado por uma densa camada de dióxido de carbono na atmosfera do planeta.





A Raça e Fisiologia dos Klingons

FISIOLOGIA KLINGON
Acaracterística mais evidente de um klingon são suas reentrâncias na testa, formando um aglomerado de peles. A beleza klingon é qualificada de acordo com a quantidade de rugas na testa. Outra característica é a ausência de dutos lacrimais. Isso também contribui para que sua imagem perante os terráqueos pareça fria e desinteressada, quando na verdade o klingon possui uma grande carga de sentimentos desencadeada por sua educação e modo de vida incansável. Seu sangue possui cor rosa, e sua constituição física supera em muito a dos outros humanóides. Seu coração possui uma camada extra de musculatura, que serve tanto para proteção como para proporcionar mais força. Seu tórax também possui um revestimento extra de tecido protetor.

CARACTERÍSTICAS PSICOLÓGICAS
A civilização Klingon inteira está baseada no conceito de Honra e na Reputação de Família (Muito semelhante ao antigo sistema feudal japonês da Terra). A realização e coroamento glorioso da vida de qualquer Klingon é morrer com honra, e preferivelmente em uma batalha honrada e gloriosa.


APARÊNCIA KLINGON
Foram observados duas aparências para os klingons ao longo dos primeiros contatos com a Federação. Em 2151 foi efetivamente o primeiro contato com a raça, quando um klingon caiu acidentalmente na Terra, obrigando ao governo da Terra enviar um nave para devolve-lo a Kronos. A aparência até aquele momento era semelhante a atual com as reentrâncias na testa. Depois em 2268 vimos os klingons com a testa lisa e uma forma mais parecida com os humanos. Entretanto em 2271, um transmissão klingon foi interceptada pela Estação Episilon 9, quando da incursão de V'Ger no espaço da Federação, mostrando a real face dos klingons, novamente com as reentrâncias na testa. Existem várias explicações para esta situação, mas assumimos a explicação oficial publicada no livro "Star Trek Science Logs" de André Bormanis (consultor de ciências para Deep Space 9 e Voyager, numa posição similar àquela ocupada por Rick Sternbach e Mike Okuda), e diz:

"Os Klingons reconheceram, em alguma parte do final do século 23, que uma classe de guerreiros melhorados pela engenharia genética seriam mais efetivos em batalhas, e então produziram e criaram uma classe de guerreiros superior




A História do Império Klingon
A nação de Klingon foi fundada a 1.500 anos atrás por 'Kahless - o Inesquecível', que uniu o povo Klingon, matando o tirano Molor. O primeiro contato com os humanos aconteceu em 2151 na Terra, quando uma pequena nave de klingon com um ocupante a bordo caiu na Terra. O Governo terrestre decidiu devolver o klingon a seu planeta, contra os conselhos do Vulcanos. Nesta época ainda não estava formada a Federação Unida dos Planetas.

O segundo importante contato entre o Império de Klingon e a Federação Unida dos Planetas aconteceu em 2218 em um evento desastroso que conduziu a quase um século de hostilidades entre os dois poderes.

Em 2267 foi assinado o Tratado de Paz de Orgânia, que colocou um fim a um longo período (49 anos) de agressões mútuas entre o Império Klingon e a Federação Unida dos Planetas. Nesse Tratado foi fixada a fronteira entre o império klingon e o espaço da Federação com a criação de uma Zona Neutra entre eles.

Em 2268 o Império Klingon estabelece uma breve aliança com o Império Romulano, que resultou no compartilhando de tecnologia militar para espaçonaves, proporcionando aos Romulanos desenvolver cruzadores de batalha klingons, e os Klingons assimilarem a tecnologia de camuflagem.



Uma explosão catastrófica acontece em 2293 na lua Klingon Praxis que causou um sério dano ambiental no seu planeta natal além da destruição dos recursos energéticos fundamentais. Na desordem econômica que se seguiu, o Chanceler Klingon Gorkon, líder do Alto Conselho Klingon, iniciou uma iniciativa de paz com a Federação, terminando com cerca de 70 anos de hostilidades com a Federação. Com o acordo de paz a Federação se dispõe a auxiliar o Império klingon com tecnologia.

Durante o século que seguiu, o Alto Conselho klingon era um lugar de intrigas políticas. Deste modo em 2367 o Império foi quase mergulhado em uma guerra civil quando o Líder de Conselho o Chanlecer K'mpec morreu envenenado. Este assassinato, visto como uma matança sem honra sob a tradição de Klingon, iniciou um disputa para determinar o sucessor de K'mpec. K'mpec tinha tomado a precaução não ortodoxa de designar um alienígena como o Árbitro dele de Sucessão. O então Capitão Jean-Luc Picard da nave USS Enterprise NCC-1701-D foi o escolhido para conduzir os Ritos de Sucessão. Sob a mediação do Capitão Picard, recém político Gowron emergiu como o candidato exclusivo para Chanceler e Líder do Alto Conselho.

Então em 2368 o Império de Klingon entrou em uma guerra civil breve, mas amarga, quando as forças leais a Família Duras tentaram bloquear o posse de Gowron. Gowron sai vitorioso após uma ajuda indireta do Capitão Jean Luc Picard que corta o envio de suprimentos pelo Romulanos, a honra da família de Mogh é restituída e um tratado de paz é assinado com a FUP.

Embora a sua nação seja chamada de Império, um imperador não o regeu por mais de três séculos. Esta situação mudou bastante dramaticamente em 2369, quando os clérigos de Boreth produziram um clone de Kahless - o Inesquecível. Embora a reivindicação inicial seria que o clone era o Kahless atual, foi rapidamente contestada. O clone foi considerado como o herdeiro legítimo ao trono, e com o apoio do Líder do Alto Conselho Gowron, foi iniciado como apenas um Imperador Cerimonial do povo Klingon.


Em 2372 tem inicio a Guerra Klingon-Cardassiana. Esta Guerra foi iniciada por manobra do Dominion. Um Founder (metamorfo) disfarçado de General Martok (chefe do Império Klingon) inicia ataque aos Cardassianos. Os Klingons promovem grande devastação no território da União Cardassiana. Os Cardassianos ameaçados unem-se ao Dominion. Essa guerra abalou a aliança entre os Klingons e a Federação Unida dos Planetas. A falta de apoio da Federação desperta ódio nos Klingons que chegam a fazer ataques à Estação Deep Space Nine.

A Federação Unida dos Planetas reativa sua aliança com os Klingons em 2374 para uma grande ofensiva contra o Dominion, mas os aliados permanecem em desvantagem até que os Romulanos, sentindo-se ameaçados pelo avanço das forças do Dominion no quadrante alfa, unem-se aos Klingons e a Federação formando a Tríplice Aliança.


Dados Gerais Sobre a Política e a Sociedade
O Império Klingon é regido por um Alto Conselho formado por 12 membros que governa junto o a figura maior do poder denominado Chanceler. Trata-se de uma estrutura de governo parlamentarista onde o Líder do Alto Conselho (Chanceler) é responsável pela pelas medidas políticas do Império e sua relação com os demais governos na galáxia. Exista ainda a figura do Árbitro de Sucessão quando da morte de um Chanceler, podendo ser um membro do conselho ou um pessoa neutra, que julgará as reivindicações ao cargo de Chanlecer e escolherá o sucessor baseado nas tradições e honra klingon.

Na sociedade de Klingon, não é lamentada a morte de um guerreiro que morreu em uma batalha honrosa e sim, os sobreviventes celebram a libertação do espírito guerreiro. Os Klingons acreditam em uma vida após a morte mas não há nenhuma cerimônia de enterro. Eles dispõem do corpo já morto de qualquer maneira, confiantes que o espírito do guerreiro se uniu a Kahless - o Inesquecível - em Sto-Vo-Kor. Uma tradição klingon diz que "o filho de um Klingon é um homem no dia que ele pode segurar uma lâmina". Os Klingons acreditam que eles têm a habilidade instintiva para olhar um oponente no olho e ver sua intenção de matar. Os Guerreiros Klingons não sussurram ou mantêm a distância para conversar. Conversas distantes ou sussurros são considerados insultos em sociedade de Klingon.


ALGUMAS COMIDAS KLINGON

Beeth: Carne de um animal dos desertos de Klinzai (humanos não podem comê-lo)
Todo e qualquer vegetal azul: A maioria dos vegetais azuis possuem ácido cianídrico, por isso os humanos não podem comê-los.
'Rrotmey: Pipoca klingon, elas secretam um ácido que faz extremamente mal aos humanos.
Gagh: Vermes ou serpentes originárias de Klinzai, é um dos pratos preferidos dos klingons, sendo uma iguaria muito apreciada entre eles. É servida fresca, quer dizer, vivas.
Bregit'lung: Prato tradicional e consumido todos os dias em Kling.
Chech'Tluth: Bebida típica klingon.
Coração de Targ: Outro prato tradicional klingon.
Garra de Pipius: Prato tradicional klingon, feito com animal selvagem nativo do planeta.
Warnog: Aguardente Klingon (uma espécie de pinga).
avatar
Admin
Admin
Admin


Designação:
Função:: vu wI (administrador)

http://klingons-ogame.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum